Você sabia que a água é o acompanhamento ideal na hora de beber um bom vinho?

Muitas pessoas pensam que o ato de beber água acompanhado do vinho está ligado a alguma tradição ou regra de etiqueta, mas na verdade o ato é muito mais funcional do que simbólico.
Á água é sempre uma boa pedida na hora de degustar vinhos, e não só para evitar a desidratação promovida pelo álcool contido no vinho, ela é indicada também para “limpar o paladar”. Vamos entender!

O vinho, assim como outras bebidas alcoólicas, tende a contribuir com a eliminação de líquido em nosso corpo, isso ocorre por conta da ação diurética que o álcool provoca em nosso organismo. Essa perda de líquido resulta em alguns incômodos, entre eles a sensação intensificada de embriaguez e ressaca. Ingerir água ameniza essas sensações, pois na medida que a ação diurética do álcool te faz perder líquido, a ingestão da água repõe os líquidos perdidos, diminuindo os sintomas citados acima.

Além disso, durante uma degustação de vinhos de tipos variados, a água age como amiga do seu paladar, efetuando uma verdadeira limpeza que irá te proporcionar sentir melhor o sabor a ser provado. Mas não pense que a água promove essa limpeza apenas no momento de degustar vários tipos de vinho, durante uma refeição acompanhada de vinho, essa limpeza também se torna imprescindível, uma vez que a água limpa o gosto deixado pela refeição preparando seu paladar para degustar o vinho que está sendo servido.

Ao beber uma taça de vinho, não hesite em pedir uma taça de água para acompanhar, a água pode ser com ou sem gás, isso vai variar de acordo com o gosto do apreciador. Entretanto o mais indicado é a água sem gás, que na experiência gustativa de limpeza, não interfere ou rouba o sabor de vinhos mais finos e delicados.

A água é sempre a melhor amiga do organismo, não esqueça de se hidratar em todos os momentos. Se dirigir não beba, e se beber, beba com moderação.